quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Roupas para a Santa Missa - Qual o critério?

Ultimamente as pessoas tem ido assistir à Santa Missa usando bermudas e chinelos (homens) e vestidos curtos, "fresquinhos" e sandálias que dão a impressão de estarem descalças (mulheres).

Nossa cidade é bastante quente no verão. Não nego o calor entre 10 e 11 horas. Mas dentro da Catedral não faz tanto calor. Primeiro que ela é grande e bastante arejada. Segundo que não vão tantos fiéis a ponto de tornar o ar local saturado.

Penso o seguinte: as pessoas que gostam de ir todas fresquinhas para o Santo Sacrifício, em suas profissões não deixam de ir vestidas "socialmente aceitável". Ou seja: o bancário, o empresário, o advogado, o comerciante, faça um calor insuportável, mas estão vestidos de terno, calça social ou mesmo jeans, camisa dentro da calça, sapatos ou tenis. Professoras, enfermeiras, advogadas, médicas, bancárias, comerciantes, também vestem-se a caráter. Roupas mais fechadas, calças e sapatos que "escondem" seu corpo.
Para ir ao médico, ao Fórum, à Prefeitura, ao Banco, à reunião da Câmara, as pessoas procuram se vestir bem. Enfim para visitar alguma autoridade, procuram usar um vestuário adequado. Então para receber o Rei dos Reis, na sagrada Eucaristia, por que não podemos nos vestir da melhor maneira?

Se no cotidiano comercial, profissional, suportam o calor por no mínimo 8 horas, por que para a Missa Dominical, não suportam o "calor" da Catedral? Se os padres, acólitos e coroinhas usam todas aquelas vestes litúrgicas sobre sua roupa, por que nós fiéis, não podemos "sacrificar" pelo menos por uma hora?
Moça católica em São Paulo

Minha amiga Maitê, RJ

garota católica iraquiana

garotinha católica portuguesa

As fotos acima mostram o piedoso uso do véu por mulheres e meninas contemporâneas. Será que elas estão derretendo de tanto calor? Ao contrário vemos em suas expressões alegria e compenetração nas orações.

Não pretendo com esta postagem insinuar que as mulheres devam usar o véu (preto para as casadas e branco para as solteiras), o que seria maravilhoso, mas que ao menos reflitam sobre a maneira de vestir adequadamente para ir ao Sacrifício Eucarístico. Será que Nossa Senhora e as outras mulheres estavam "fresquinhas", com as pernas e decotes à mostra no Calvário? Será que São João estava de bermudas e havaianas no momento da morte do Senhor? A Santa Missa é o Santo Sacrifício. 

Há alguns anos atrás, quando tinha missa às 16 horas, conversei com um sacerdote sobre meu desconforto em largar o trabalho e assistir à missa da maneira que estava: chinelos, bermuda e camiseta. Ele disse que não tinha problema, pois interrompia o trabalho para ir à Igreja. Mas deixou claro que no domingo tinha obrigação de vestir minha melhor roupa.

Com o tempo, fui estudando mais sobre nossa Igreja, tomando entendimento sobre o que é verdadeiramente a Santa Missa. Hoje não tenho coragem de ir à Missa de bermuda. Até mesmo quando faço uma visitinha rápida ao Santíssimo, se estou com calças curtas, fico constrangido.

Não estou condenando ninguém, mesmo porque também por várias vezes fui à Igreja vestido de forma inadequada. A partir do momento que tomei consciência desta falha, gostaria de compartilhar com os nobres amigos paroquianos.

Fotos: retiradas do blog Velatam ad Dei Gloriam


                                       Minha experiência com o véu: Maite Tosta

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Blogs católicos que receberam o Selo Dominus Vobiscum 2010/2011

Com orgulho, tive dois blogs agraciados: Euricozine e O Campanhense. Segue lista dos 14 blogs premiados:


Catequisando como Jesus
http://catequizandocomojesus.blogspot.com/
Ecclesia Una
http://beinbetter.wordpress.com
PHN Goiania
http://www.phngoiania.com.br
Movimento Litúrgico
http://www.movimentoliturgico.com.br/
Lana Cristina
http://lana-cristina.blogspot.com/
Flávio Alexandre
http://www.flavioalexandre.com
Deus de Ternura
http://deusdeternura.blogspot.com/
Catequese caminhando
http://catequesecaminhando.blogspot.com/
Romilson Feitosa
http://gentedefe.com/romilsonfeitosa/
O mundo de Osvaldo
http://www.omundodeosvaldo.wordpress.com/
Deus é maior
http://deusemaior.com.br/
Eurico Zine
http://www.euricozine.blogspot.com/
O Campanhense
http://www.ocampanhense.blogspot.com/
Sou católica
http://soucatolica.wordpress.com/

Todos estes blogs serão adicionados na lista de links do Dominus Vobiscum. E estão recebendo este selo por serem blog genuinamente católicos, com conteúdos no qual um católico verdadeiro pode ler sem ter problemas com a sua fé, com a sua ética e com sua moral cristã. Parabéns pelo belo trabalho desenvolvido ao longo do ano. Bom saber que tenho irmãos firmes na caminhada!
Pax Domini

Blog Dominus Vobiscum.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

domingo, 28 de novembro de 2010

Rádios Católicas


Acordei mais tarde hoje. Por volta das 9:30. Liguei esta belezura acima que uso para meu hobbie: radioescuta de OM. Mas como estava com preguiça, fiquei na FM mesmo. Rodei prá lá, rodei pra cá e algo me chamou a atenção: sintonizei pelo menos 4 fm's com programas protestantes. Quantia considerável para Campanha que pega em geral no máximo umas 14 rádios em frequência modulada. 

Preocupante para um católico que sou. A Ação FM, nossa radio nesta frequência, apesar de ter nascido em seio católico, é uma rádio comunitária e não da Igreja. A Rádio Diocesana, que pertence à Diocese da Campanha, não é tão potente. E é sintonizada em AM. Moro a alguns quarteirões dela e o sinal é péssimo. Apesar de disponibilizada on line via internet, é muito difícil de ser localizada. Basta uma busca no Google para constatar. Achei por acaso há alguns meses. Não tem uma divulgação devida.  E nem todos tem internet em casa. Você pode conferir neste link a programação ao vivo: Rádio Diocesana AM. 

Campanha é sede de bispado e não tem em sua rádio, uma programação voltada para a evangelização na proporção devida. As fm's protestantes que sintonizei nesta manhã de sábado, estavam todas elas fazendo seu papel: divulgação de suas denominações cristãs. Inclusive fazendo pedido de dinheiro para ajudar nas suas missões. 

A Ação FM, que volto a frisar, é comunitária, também tem um programa protestante de no mínimo uma hora produzido pela Igreja Batista e seu pastor. Pelo que sei, os programas católicos difundidos pelas suas ondas, é o Terço da Misericórdia,  a Hora do Angelus e a reza do Terço às 18 horas. Fora estas orações, nada é produzido com o intuito de catequizar, noticiar ou doutrinar.

A Rádio Diocesana, dedica um pouco mais à espiritualidade, segundo a programação que pode ser vista no site, tendo seu ápice na retransmissão da Rede Milícia Sat. Mas a falta de divulgação é um  empecilho.   A Milícia Sat entra no ar a partir das dezoito horas até a meia-noite e nos finais de semana,  das doze horas de sábado até domingo à meia-noite.

Deveria ter mais programas durante o dia com teor catequético, pastoral, noticioso. Deveria falar mais sobre a Igreja, os documentos pontifícios, doutrina católica, liturgia. A maioria dos católicos não sabe nada sobre sua religião. E não é só criança e jovem não. Já ouvi cada besteira a respeito de doutrina vindo de gente de igreja com quilometragem avançada. Isso para não falar de padres (deixo claro não se tratar de nossos caríssimos Pe. Marquinho, Pe. Bruno César e Monsenhor José Hugo) e religiosos que insistem em ensinar heresias e mentiras sobre a Igreja de Jesus. Totalmente desobedientes ao Santo Padre e o Sagrado Magistério. Além, é claro, das distorções protestantes da História da Igreja.

A Igreja da Campanha está perdendo espaço nas ondas do rádio para as emissoras protestantes. Ficar neste lenga-lenga de que não se pode doutrinar, é o que vem causando tamanho desastre no meio católico. Além de ser um absurdo, afinal a Igreja é feita de ... Doutrinas!

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

NHÁ CHICA PODE SER BEATIFICADA EM 2012


Recebi este informativo via email, da Rádio Nhá Chica:


A notícia foi confirmada pelo frade do Vaticano Paolo Lombardo responsável por reunir documentos e prova de candidatos a santos. Ele anunciou na sexta feira que a Serva de Deus Francisca Paula de Jesus - Nhá Chica - poderá ser beatificada em 2012. 

Segundo o Frei, em declaração a um jornal do Rio de Janeiro, o Brasil terá dois novos santos, ou melhor, santas, nos próximos dois anos. Irmã Dulce, da Bahia, deverá ser beatificada pelo Papa Bento XVI em maio de 2011, e Nhá Chica, de Minas Gerais, exatamente um ano depois. Ele deu a declaração à imprensa quando esteve em Barra do Piraí, no Sul Fluminense aonde conduziu o ato de translado dos restos mortais do também candidato a santo, o advogado Franz de Castro Holzwarth.  

“As beatificações dessas duas (Dulce e Nhá Chica) já estão programadas para estas datas”, - garantiu Lombardo.

O Frei disse também que Dulce, Nhá Chica e Franz estão numa fila de 2.000 candidatos a santos, cujos processos estão sendo analisados pelo Vaticano. “Elas (Dulce e Nhá Chica) estão na frente porque o Santo Papa tem dado preferência a candidatos que não são italianos nem espanhóis. Itália e Espanha já têm santos demais”- justificou.

Francisca de Paula de Jesus, que morreu em 1894, tem vários registros de milagres em livros da época e um caso recente em estudo pelo Vaticano. Em 1995, após pedir à Nhá Chica, uma professora aposentada de Caxambu (MG) teve um problema congênito grave no coração curado. Outro importante passo rumo à canonização, o Estudo das Virtudes, foi completado em junho deste ano quando uma Comissão de Teólogos reconheceu as Virtudes da Serva de Deus, deixando-a mais próxima da honra dos altares.

Assessoria de Comunicação
ABNC Associação Beneficente Nhá Chica
Congregação das Irmãs Franciscanas do Senhor
(35) 3343- 1077

Com informações do jornal O DIA

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Escoceses tocando em Campanha MG

Durante a missa das 10 ontem, ouvi um som do lado de fora da catedral. Pensei tratar-se das estridentes cigarras. Mas logo percebi ser o som de gaitas de foles. Em Campanha?
Taí a prova:


Asa Branca



Garota escocesa efetuando dança típica




"Maestro" da banda discursando aos campanhenses. Cadela Católica também se manifesta.

Cadelinha Católica vira reportagem na Globo (EPTV Sul de Minas)




segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Joss Stone / Regina Spektor

Há pouco tempo participava de um fórum de cultura do Sul de Minas. Lembro de ter postado algo sobre a música pós anos 80. Afirmei que nada de novo ou de bom havia sido criado após estes anos. Enganei-me redondamente. Ontem assisti por acaso o tal do Festival de Música SWU. Encantei-me com duas artistas de primeira grandeza: Joss Stone e Regina Spektor.

A russa Regina Spektor

A britânica Joss Stone
Acostumado com o lixo musical produzido em nosso país a longos anos, estava totalmente desestimulado de saber o que acontecia lá fora. Enquanto no Brasil somos obrigados a conviver com a "arte" apelativa (visual e musical), confesso que fiquei deslumbrado com as gringas. Enquanto as Ivetes e Mercurys da vida usam e abusam dos seios fartos, coxas grossas e calcinhas à mostra para disfarçar/maquiar suas vozes grotestas e letras rídiculas e débeis; Joss e Regina cativaram com belíssimas vozes e música de primeira qualidade. 
Joss é encantadora. Bonita, feminina, meiga, doce e talentosa. Usou de seu charme "adolescente" para emoldurar sua performance impecável. Descalça, com um longo "escondendo" suas curvas, uma bela e longa cabeleira cor de mel estava magnífica no palco hipnotizando seus fãs com sua voz rouca. Fez-me lembrar Jonis Joplin, a branquela com voz negra. Sua banda também é fantástica. Arrepiante um duelo que travou com seu saxofonista.

Já a russa Regina Spektor fascinou-me com sua banda mais "clássica". Excelente voz. Excelente pianista. E o que sempre me agradou: violino na música contemporânea. 

Consegui baixar algumas músicas de Regina e ouvi bastante hoje. Putz, a menina é muito boa.

Aí confirmei que nossa música brasileira está deixando muito mesmo a desejar. E nem vem com essa de que é nossa cultura. Não  precisaram apelar para a sensualidade para fazer valer seu talento. Esbanjaram qualidade e competência. É, a música ainda tem esperança.


sábado, 2 de outubro de 2010

III Mostra de Ciência e Tecnologia - Escola São João - Coopercamp

Fui convidado para a III Mostra da Coopercamp. Infelizmente não deu para ver toda as exposições. Para isso teria de acompanhar durante todo um dia, tarefa impossível para quem tem dois trabalhos. Mas as duas horas que lá passei, deu para ter uma visão do belo e competente trabalho dos alunos, professores e direção.

Como o fotógrafo oficial deste blog, o Daniel,  participou da Mostra como aluno, sobrou para eu, a difícil tarefa de registrar imagens. Não ficaram boas, mas deixo algumas para ilustrar o evento.

O núcleo "Tecnologia II" criou uma página na internet para divulgar seu trabalho. Visitem.
 

(clique nas fotos para vê-las em tamanho original)
















segunda-feira, 27 de setembro de 2010

A soberba presidencial

Recebi esta contribuição do amigo e conterrâneo, o advogado Antonio Luiz Furtado Neto. Publico o texto deste ilustre filho da Campanha, indignado segundo suas próprias palavras, com "os atentados mais recentes do sr. presidente da República contra a liberdade de expressão e adjacências".

Vamos ao excelente artigo:

Há laudas e laudas que poderiam ser escritas em repúdio
ao caráter e ao comportamento do sr. presidente da
República. Isso, relativamente aos últimos sete anos e
nove meses, e especialmente agora, quando, sentindo-se
liberto de toda e qualquer peia de respeito ao país - ao
qual trata como se fosse um grande bordel - ele demonstra
com orgulho toda sua estultice.

Porém, o tempo é curto e quem adora discursos longos é
justamente a turma de bandalhos que, em décadas recentes,
faz escola desde Lênin, Goebbels e seu chefe, passando por
Perón, Fidel Castro e desaguando em Hugo Chávez e no
próprio sr. presidente da República.

Assim, de maneira bastante rápida, afirmo que não são
só os mais ilustres ou os mais notórios da parte
civilizada do país que repugnam essa corja aboletada no
estado brasileiro e suas práticas. Quanto me refiro aos
ilustres ou notórios da parte civilizada, quero
significar, por exemplo, os que elaboraram manifesto em
defesa das instituições democráticas, assinaram-no e o
leram no Largo de São Francisco, em frente à Faculdade
de Direito da USP, em São Paulo, na última quarta-feira,
dia 22.

Nós outros, anônimos, que temos família, filhos na
escola, que estudamos, que geramos riqueza, que recolhemos
tributos - e, principalmente, que não dependemos de
favores estatais -, nós outros também estamos alertas ao
'nunca visto antes' pútrido estado da política
partidária e da República, patrocinado com maestria pelo
lulo-petismo.

Afirmo aqui que o sr. presidente da República, vítima de
um sentimento de vaidade também 'nunca antes visto neste
país', por mais que tente não será capaz - repito:
NÃO SERÁ CAPAZ - de minar a resistência de nós
outros que nos opomos às suas bravatas, às suas
práticas, às práticas de seu partido e de seus
aliados.

Platéia embevecida nunca faltará a ele, iludida e
anestesiada pela própria ignorância e pobrezas material
e de espírito (são coitados, na acepção da palavra)
e arregimentada para dar audiência em inaugurações de
obras. (PAC???... Risos...).

Por que será que o sr. presidente da República não
tenta discursar com o mesmo conteúdo e na mesma forma -
semblante crispado e raiva escorrendo-lhe pela barba -
diante de platéias como, por exemplo, a que esteve na
abertura do Pan-Americano no Rio de Janeiro?

Posso garantir que, em face de nós outros, a mentira
repetida insistentemente não se tornará verdade.

Quaisquer meios, por mais insidiosos que sejam, não nos
cercearão a liberdade de expressão e seu uso
constitucionalmente garantido.

O ovo da serpente vem sendo chocado, sim, com muito esmero,
e é provável que o réptil rasteje ao encontro de quem
ouse se lhe opor. Porém, estaremos, nós outros,
aguardando, com os calcanhares protegidos, para lhe esmagar
a cabeça.

A soberba e a vilania têm preço, aliás como tudo na
vida.

A seguir, o Manifesto a que me referi acima. Transcrevo-o
porque tudo o que reafirme as maiores conquistas
político-humanitárias da história deve ser
constantemente lembrado. Está publicado em
www.defesadademocracia.com.br.

'Manifesto em Defesa da Democracia

Numa democracia, nenhum dos Poderes é soberano. Soberana
é a Constituição, pois é ela quem dá corpo e alma
à soberania do povo.

Acima dos políticos estão as instituições, pilares
do regime democrático. Hoje, no Brasil,  inconformados com
a democracia representativa se organizam no governo para
solapar o regime democrático.

É intolerável assistir ao uso de órgãos do Estado
como extensão de um partido político, máquina de
violação de sigilos e de agressão a direitos
individuais.

É inaceitável  que militantes  partidários  tenham
convertido  órgãos da administração direta, empresas
estatais e fundos de pensão em centros de produção de
dossiês contra adversários políticos.

É lamentável que o Presidente esconda no governo que
vemos o governo que não vemos, no qual as relações de
compadrio e da fisiologia, quando não escandalosamente
familiares, arbitram os altos interesses do país,
negando-se a qualquer controle.

É inconcebível que uma das mais importantes democracias
do mundo seja assombrada por uma forma de autoritarismo
hipócrita, que, na certeza da impunidade, já não se
preocupa mais em  valorizar a honestidade.

É constrangedor que o Presidente não entenda que o seu
cargo deve ser exercido em sua plenitude nas vinte e quatro
horas do dia. Não há “depois do expediente” para um
Chefe de Estado. É constrangedor também que ele não
tenha a compostura de separar o homem de Estado do homem de
partido, pondo-se a aviltar os seus adversários
políticos com linguagem inaceitável, incompatível com
o decoro do cargo, numa manifestação escancarada de
abuso de poder político e de uso da máquina oficial em
favor de uma candidatura. Ele não vê no “outro” um
adversário que deve ser vencido segundo regras, mas um
inimigo que tem de ser eliminado.

É aviltante que o governo estimule e financie a ação
de grupos que pedem abertamente restrições à liberdade
de imprensa, propondo mecanismos autoritários de
submissão de jornalistas e de empresas de comunicação
às determinações de um partido político e de seus
interesses.

É repugnante que essa mesma máquina oficial de
publicidade tenha sido mobilizada para reescrever a
História, procurando desmerecer o trabalho de brasileiros
e brasileiras que construíram as bases da estabilidade
econômica e política, que tantos benefícios trouxeram
ao nosso povo.

É um insulto à República que o Poder Legislativo seja
tratado como mera extensão do Executivo, explicitando o
intento de encabrestar o Senado. É deplorável que o
mesmo Presidente lamente publicamente o fato de ter de se
submeter às decisões do Poder Judiciário.

Cumpre-nos, pois, combater essa visão regressiva do
processo político, que supõe que o poder conquistado nas
urnas ou a popularidade de um líder lhe conferem licença
para  ignorar a Constituição e as leis. Propomos uma
firme mobilização em favor de sua preservação,
repudiando a ação daqueles que hoje usam de
subterfúgios para solapá-las. É preciso brecar essa
marcha para o autoritarismo.

Brasileiros erguem sua voz em defesa da Constituição,
das instituições e da legalidade.

Não precisamos de soberanos com pretensões paternas, mas
de democratas convictos.


                                  Antonio Luiz Furtado Neto, advogado. 

domingo, 5 de setembro de 2010

CNBB denuncia abortismo do PT - "Apelo a todos os brasileiros e brasileiras"

NOTA DA COMISSÃO EPISCOPAL REPRESENTATIVA DO CONSELHO EPISCOPAL REGIONAL SUL 1 – CNBB


A Presidência e a Comissão Representativa dos Bispos do Regional Sul 1 da CNBB, em sua Reunião ordinária, tendo já dado orientações e critérios claros para “VOTAR BEM”, acolhem e recomendam a ampla difusão do “APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS” elaborado pela Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 que pode ser encontrado no seguinte endereço eletrônico “www.cnbbsul1.org.br”.

São Paulo, 26 de Agosto de 2010.



Dom Nelson Westrupp, scj
Presidente do CONSER-SUL 1

Dom Benedito Beni dos Santos
Vice-presidente do CONSER-SUL 1

Dom Airton José dos Santos
Secretário Geral do CONSER SUL 1




APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS


Nós, participantes do 2º Encontro das Comissões Diocesanas em Defesa da Vida (CDDVs), organizado pela Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 da CNBB e realizado em S. André no dia 03 de julho de 2010,

- considerando que, em abril de 2005, no IIº Relatório do Brasil sobre o Tratado de Direitos Civis e Políticos, apresentado ao Comitê de Direitos Humanos da ONU (nº 45) o atual governo comprometeu-se a legalizar o aborto,

- considerando que, em agosto de 2005, o atual governo entregou ao Comitê da ONU para a Eliminação de todas as Formas de Descriminalização contra a Mulher (CEDAW) documento no qual reconhece o aborto como Direito Humano da Mulher,

- considerando que, em setembro de 2005, através da Secretaria Especial de Polítíca das Mulheres, o atual governo apresentou ao Congresso um substitutivo do PL 1135/91, como resultado do trabalho da Comissão Tripartite, no qual é proposta a descriminalização do aborto até o nono mês de gravidez e por qualquer motivo, pois com a eliminação de todos os artigos do Código Penal, que o criminalizam, o aborto, em todos os casos, deixaria de ser crime,

- considerando que, em setembro de 2006, no plano de governo do 2º mandato do atual Presidente, ele reafirma, embora com linguagem velada, o compromisso de legalizar o aborto,

- considerando que, em setembro de 2007, no seu IIIº Congreso, o PT assumiu a descriminalização do aborto e o atendimento de todos os casos no serviço público como programa de partido, sendo o primeiro partido no Brasil a assumir este programa,
- considerando que, em setembro de 2009, o PT puniu os dois deputados Luiz Bassuma e Henrique Afonso por serem contrários à legalização do aborto,

- considerando como, com todas estas decisões a favor do aborto, o PT e o atual governo tornaram-se ativos colaboradores do Imperialismo Demográfico que está sendo imposto em nível mundial por Fundações Internacionais, as quais, sob o falacioso pretexto da defesa dos direitos reprodutivos e sexuais da mulher, e usando o falso rótulo de “aborto - problema de saúde pública”, estão implantando o controle demográfico mundial como moderna estratégia do capitalismo internacional,

- considerando que, em fevereiro de 2010, o IVº Congresso Nacional do PT manifestou apoio incondicional ao 3º Plano Nacional de Direitos Humanos (PNDH3), decreto nª 7.037/09 de 21 de dezembro de 2009, assinado pelo atual Presidente e pela ministra da Casa Civil, no qual se reafirmou a descriminalização do aborto, dando assim continuidade e levando às últimas consequências esta política antinatalista de controle populacional, desumana, antisocial e contrária ao verdadeiro progresso do nosso País,

- considerando que este mesmo Congresso aclamou a própria ministra da Casa Civil como candidata oficial do Partido dos Trabalhadores para a Presidência da República,

- considerando enfim que, em junho de 2010, para impedir a investigação das origens do financiamento por parte de organizações internacionais para a legalização e a promoção do aborto no Brasil, o PT e as lideranças partidárias da base aliada boicotaram a criação da CPI do aborto que investigaria o assunto,

RECOMENDAMOS encarecidamente a todos os cidadãos e cidadãs brasileiros e brasileiras, em consonância com o art. 5º da Constituição Federal, que defende a inviolabilidade da vida humana e, conforme o Pacto de S. José da Costa Rica, desde a concepção, independentemente de sua convicções ideológicas ou religiosas, que, nas próximas eleições, deem seu voto somente a candidatos ou candidatas e partidos contrários à descriminalizacão do aborto.

Convidamos, outrossim, a todos para lerem o documento “Votar Bem” aprovado pela 73ª Assembléia dos Bispos do Regional Sul 1 da CNBB, reunidos em Aparecida no dia 29 de junho de 2010 e verificarem as provas do que acima foi exposto no texto “A Contextualização da Defesa da Vida no Brasil” (http://www.cnbbsul1.org.br/arquivos/defesavidabrasil.pdf), elaborado pelas Comissões em Defesa da Vida das Dioceses de Guarulhos e Taubaté, ligadas à Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 da CNBB, ambos disponíveis no site desse mesmo Regional.

COMISSÃO EM DEFESA DA VIDA DO REGIONAL SUL 1 DA CNBB. 

Diocese da Campanha orienta eleitores católicos

No site da Diocese da Campanha saiu esta nota orientadora aos fiéis católicos:

        O Conselho presbiteral da Diocese da Campanha, em sua última reunião, dia 31 de agosto, assumiu para a Diocese da Campanha a orientação dada pelos bispos do Regional Sul 1 da CNBB (SP). No cumprimento de sua missão pastoral, oferecem as seguintes orientações aos seus fiéis para a participação consciente e responsável no processo político-eleitoral deste ano: 



  1. O poder político emana do povo. Votar é um exercício importante de cidadania, por isso, não deixe de participar das eleições e de exercer bem este poder. Lembre-se que seu voto contribui para definir a vida política do País e do nosso Estado.

  2. O exercício do poder é um serviço ao povo. Verifique se os candidatos estão comprometidos com as grandes questões que requerem ações decididas dos governantes e legisladores: a superação da pobreza, a promoção de uma economia voltada para a criação de postos de trabalho e melhor distribuição da renda, educação de qualidade para todos, saúde, moradia, saneamento básico, respeito à vida e defesa do meio ambiente.

  3. Governar é promover o bem comum. Veja se os candidatos e seus partidos estão comprometidos com a justiça e a solidariedade social, a segurança pública, a superação da violência, a justiça no campo, a dignidade da pessoa, os direitos humanos, a cultura da paz e o respeito pleno pela vida humana desde a concepção até à morte natural. São valores fundamentais irrenunciáveis para o convívio social. Isso também supõe o reconhecimento à legítima posse de bens e à dimensão social da propriedade.

  4. O bom governante governa para todos. Observe se os candidatos representam apenas o interesse de um grupo específico ou se pretendem promover políticas que beneficiem a sociedade como um todo, levando em conta, especialmente, as camadas sociais mais frágeis e necessitadas da atenção do Poder público.

  5. O homem público deve ter idoneidade moral. Dê seu voto apenas a candidatos com “ficha limpa”, dignos de confiança, capazes de governar com prudência e equidade e de fazer leis boas e justas para o convívio social.

  6. Voto não é mercadoria. Fique atento à prática da corrupção eleitoral, ao abuso do poder econômico, à compra de votos e ao uso indevido da máquina administrativa na campanha eleitoral. Fatos como esses devem ser denunciados imediatamente, com testemunhas, às autoridades competentes. Questione também se os candidatos estão dispostos a administrar ou legislar de forma transparente, aceitando mecanismos de controle por parte da sociedade. Candidatos com um histórico de corrupção ou má gestão dos recursos públicos não devem receber nosso apoio nas eleições.

  7. Voto consciente não é troca de favores, mas uma escolha livre. Procure conhecer os candidatos, sua história pessoal, suas idéias e as propostas defendidas por eles e os partidos aos quais estão filiados. Vote em candidatos que representem e defendam, depois de eleitos, as convicções que você também defende.

  8. A religião pertence à identidade de um povo. Vote em candidatos que respeitem a liberdade de consciência, as convicções religiosas dos cidadãos, seus símbolos religiosos e a livre manifestação de sua fé.

  9. A Família é um patrimônio da humanidade e um bem insubstituível para a pessoa. Ajude a promover, com seu voto, a proteção da família contra todas as ameaças à sua missão e identidade natural. A sociedade que descuida da família destrói as próprias bases.

  10. Votar é importante, mas ainda não é tudo. Acompanhe, depois das eleições, as ações e decisões políticas e administrativas dos governantes e parlamentares, para cobrar deles a coerência para com as promessas de campanha e apoiar as decisões acertadas.
    _____________________________________________________________
Comento:

Importante que os católicos da nossa diocese sigam esta orientação. Ela é conforme o ensinamento do Santo Magistério. 

Como ficarão agora os "católicos" que defendem e apoiam a candidatura dos partidos de esquerda (socialistas e comunistas)? Partidos abortistas, contra o direito de posse, contra os símbolos religiosos, contra o catolicismo, a favor da união homossexual, a favor do sexo-livre, etc. possuem em suas fileiras, "católicos" que se filiaram. Temos até políticos que se dizem católicos e estão filiados ao PT, ao PPS, ao PSB.

Tem também religiosos em nossa diocese que são petistas roxos, que dizer vermelhos. E agora? Serão obedientes aos ensinamentos e orientações diocesanas ou continuarão fiéis ao seu partido?

Ao desobedecerem as orientações, terão a cara de pau de continuar indo à igreja receber a Santa Eucaristia? Não temem por sua própria condenação ao apoiarem abortistas?

E o que dizer do CODIAS - Conselho Diocesano de Ação Social, que está divulgando na diocese um plebiscito que pretende limitar o direito de propriedade? Idéia comunista que vai de encontro com o ensinamento do Santo Magistério?

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Abestado

 
 
Taí o vídeo do Tiririca. Talvez o mais sincero dos candidatos que já vi até hoje. Ao menos diz na cara dura o que pensa e pretende. Ao contrário dos outros candidatos ditos sérios, que nos entopem com blá-blá-blá e na verdade estão é se lixando para o povo. O que querem é apenas o voto. Após as eleições os eleitores ficam a ver navios. A Saúde continuará falida, assim como a Educação. Segurança pública, saneamento, ruas transitáveis, salários dignos aos servidores, aposentadoria e pensão aos pobres ex-trabalhadores? Só discurso bonitinho no maldito horário gratuito que nos é imposto.

sábado, 21 de agosto de 2010

Vote em ninguém!


Gosto de vez em quando dar uma olhada no horário político. Para dar umas boas gargalhadas com meus filhos. É tanta palhaçada que deixa qualquer programa humorístico no chinelo.
 
Mas o que chama a atenção é que a maioria está tentando a reeleição. Aí o idiota diz: "vou melhorar a Educação, a Saúde e a Segurança Pública". Será que os eleitores não enxergam que o imbecil estava no poder e não resolveu fezes nenhuma?
 
Tem até candidato a Senador e Deputado, portanto ao Poder Legislativo, prometendo resolver os problemas que dizem respeito ao Executivo! E não são "paraquedistas" não. São macacos velhos. Há anos estão no meio político. Não se importam em mentir descaradamente. 
 
O que me entristece sobremaneira é que serão reeleitos. Sem dúvida nenhuma.  Aí depois querem reclamar dos políticos. Eles estão na deles. Vomitam suas promessas cretinas e lá vai o povão colocá-los no poder de novo. Por isso não aceito que venham criticar os políticos após as eleições. Ah, mas não votei em Fulano. E daí? Votou em Ciclano. Tudo farinha do mesmo saco. Ferro no povo e o patrimônio dos políticos só crescendo. Resolvem a vida só dos seus parentes e amigos mais chegados. É só dar uma pequena olhadinha no que acontece com os políticos e amigos destes, mais próximos, como os de sua cidade.

Eleição após eleição e tudo permanece como está. Ou melhor, cada vez pior. O candidato pelo estado de São Paulo, o famoso Tiririca talvez seja o mais honesto deles: "Pior do que está não fica! Vote em Tiririca!". Ou quando assume não saber para que serve um deputado federal. Só quer ser eleito e ir para Brasília receber sua graninha. Pelo menos não é falso. 

Muitos se escandalizam com a candidatura de cantores, atores, humoristas, ex-jogadores de futebol, "modelos", etc., mas não se escandalizam com a tentativa de reeleição dos macacos velhos que nada fazem por nosso país, estado e município. Votar por votar, é preferível então colocar no poder uma Mulher Pera da vida ou um Tiririca. Ao menos a Câmara fica mais bonita ou mais engraçada.Chega de carcomidos!


quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Pesquisa financiada pela British Academy divulga site sobre Semana Santa em Campanha MG

Excelente site criado pela pesquisadora Dra. Suzel Ana Reily da Queen's University Belfast descrevendo as celebrações da Semana Santa em Campanha MG. 

Tem bastante fotos, partituras, letras em latim, músicas cantadas pelo Coral Campanhense, etc. Tudo detalhado desde o Domingos de Ramos até a Celebração da Páscoa. 

Pode ser visto em inglês ou português.




sábado, 14 de agosto de 2010

Grande Corrida da Independência Vitória/ES - Campanha/MG

A Grande Corrida da Independência

Corrida Pedestre de Revezamento onde os atletas conduzem uma Tocha Olímpica num revezamento contínuo, dia e noite, unindo cidades dos diversos pontos do Brasil ou do Exterior a cidade da Campanha – MG. Considerada pela sua característica, a Maior Corrida Pedestre de Revezamento do Mundo feita por um único grupo de atletas.

Evento cívico-esportivo, cultural e turístico iniciado em 1972. Já teve a sua largada de quase todas as capitais brasileiras, passando por 20 estados. E por duas vezes do exterior, saindo de Assunção-Paraguai e de Buenos Ayres-Argentina, passando por Montevideo-Uruguai. A Corrida tem sempre o seu final na cidade da Campanha – MG para a abertura da Olimpíada Campanhense e outras Homenagens.

1972 - 1º Edição: Ouro Preto a Campanha

1989 - Rondônia a Campanha


1997 - Aracaju a Campanha

Como funciona: Vinte e quatro atletas masculinos amadores, da cidade da Campanha - MG, são divididos em três grupos de oito corredores. Cada grupo corre em revezamento por 10 km. A cada 10 km. é feita a troca de grupo.Somente um atleta corre conduzindo a Tocha Olímpica, os outros ficam dentro de uma Kombi que segue, em baixa velocidade, dando cobertura ao atleta que estiver com a Tocha. O atleta corre pelo acostamento tendo proteção da Polícia Rodoviária Federal e Estadual.
Após certa distancia, ele passa a Tocha para outro e entra na Kombi, assim sucessivamente durante os 10 km. O grupo que está fazendo o revezamento segue na Kombi, os outros dois grupos ficam descansando no ônibus. Média de 12,5 km por hora, 300 km em 24 horas.

Apoio: 03 viaturas (um ônibus, uma Kombi e uma Van) acompanham a comitiva de trinta e duas (32) pessoas entre atletas, motoristas e coordenação. 


Corridas realizadas/quilômetros:

1972 Ouro Preto 450
1974 Brasília-DF 1.100
1975 Assunção-Paraguai 1.800
1976 Salvador-BA (Rio de Janeiro) 2.100
1977 Recife-PE 2.500
1978 Buenos Ayres-Argentina (Montevidéu - Uruguai) 2.800
1979 Fortaleza-CE 3.000
1980 Rio de Janeiro-RJ 360
1983 Ouro Preto-MG 450
1986 Brasília-DF 1.100
1987 Natal-RN 3.200
1988 São Luiz – MA 3.400
1989 Porto Velho-RO 3.500
1990 Brasília-DF 1.100
1991 Salvador-BA (Juiz de Fora - MG) 1.800
1992 São João Del Rei - MG 200
1993 Ouro Preto-MG 450
1994 Porto Seguro-BA 1.300
1997 Aracajú - SE 1.950
1998 Vitória-ES 900
1999 Santos-SP 400
2000 Niteroi-RJ (Especial - Vital Brazil) 460
2000 São Vicente-SP 400
2007 Belo Horizonte - MG (Versão Feminina) 325
2008 Niterói-RJ 460
2009 Brasília-DF 1.100
2010 Vitória-ES 800

A “Grande Corrida da Independência” em 27 Edições (ao termino da Edição deste ano) terá percorrido aproximadamente 38.000 km. (Quase a distancia da volta ao mundo).

Nestes vinte e seis anos tem sido a atração especial na Solenidade de Abertura das Olimpíadas da Campanha - MG. (A maior concentração esportiva do Sul de Minas).


A Corrida - 2010

XXVII GRANDE CORRIDA DA INDEPENDÊNCIA
Abertura Oficial da 52ª Olimpíada Campanhense

Homenagens:
100 Anos do Escotismo no Brasil
Semana da Pátria
Dia Nacional do Profissional de Educação Física

Vinte e quatro (24) atletas masculinos estarão conduzindo, em revezamento contínuo, uma Tocha Olímpica de Vitória-ES, (Juiz de Fora – MG) até Campanha - MG, num percurso de 800 km em 64 horas. Média de 12.5 km por horas. 300 km em 24 horas. Durante todo o trajeto, cada atleta correrá em média 34 km.

•O acendimento da Tocha e largada da Corrida será em Vitória-ES no dia 26 de agosto, quinta-feira, às 09h00.

•A chegada na Campanha - MG está prevista para o dia 28 de agosto, sábado às 20h00, no Campanha Esporte Clube.

Coordenação: Rubens Ramos de Oliveira
E-mail: rubens.esporte@hotmail.com

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Passione e o sotaque mala.


Não sou dado a novelas, mas as vezes é inevitável ver alguma coisa, já que a Helen assiste. O que chamou-me a atenção foi o sotaque italiano exagerado nesta exibida após o jornal. Tenho uma antipatia pelo tal de Toni Ramos que é algo incontrolável. A voz dele é irritante, assim como todo o resto deste sujeito. 

Dias atrás levei minha mãe ao mosteiro beneditino de Caxambu. Lá conheci um casal de italianos com seus três filhos. Um casal de gêmeos e mais um garotinho. Dois e três anos as crianças. Impressionante como falavam nossa língua. E sem o excesso carregado no sotaque. Os imbecis da novela da Rede Globo pensam que estão abafando em exacerbar a pronuncia italiana em suas falas. Curioso como os fãs da novela não percebem a artificialidade gritante dos personagens. E são considerados "grandes" atores. Que maçante!


segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Limpeza urbana

Todas as segundas e sextas-feiras lá estão os homens da limpeza: o motorista Anderson e a turma que com sol escaldante, vento cortante, chuva torrencial ou granizo honram sua função de servidores públicos. São eles: Údi, Nem Corrêa, Zé Reis e Délcio. O caminhão vai à frente vagarosamente parando em pontos estratégicos das ruas. Os demais servidores correm atrás, pegando os sacos de lixo das casas e atirando-os dentro da caçamba. Incansáveis. Nunca aparentam mal-humor ou moleza. Independente das intempéries.

Nestes dias eles passam na rua de minha casa e do meu trabalho. Mas nos outros dias da semana batalham em outras ruas de nossa cidade. Inclusive sábados e feriados, quando os demais servidores estão descansando.

 
Certa vez,  o prefeito municipal enviou um projeto de lei que dava um aumento diferenciado (apesar de seu partido sempre 'defender' e 'lutar' pelo igualitarismo) em que alguns secretários receberiam até mais de 100% de aumento e a turma que pega no pesado míseros reajustes de até 10% à Câmara para votação. Tentando convencer um agente político de tal discrepância (muito mais a da ação do prefeito em relação às "bandeiras" socialistas/comunistas de seu partido) o agente disse que quem ganha salário mínimo é porque fez prova para ganhar salário mínimo. Porque não produzia intelectualmente e por isso não precisaria ganhar mais. Porque quem lava privada vai continuar lavando privada até aposentar, porque não quer crescer.

Argumentei com ele perguntando como poderia um servidor público crescer? Não existe no serviço público esta história de promoção. Não adianta mostrar serviço, afinal desvio de função é ilegal. Mesmo não havendo produção intelectual, cada um tem seu valor como profissional. É o caso dos caros amigos que diariamente retiram o lixo de nossas residências. É um serviço nobre. Pense bem: é nauseante retirar o saco de lixo do banheiro e dos detritos da cozinha da sua própria casa. Fedem. É asqueroso. Agora imagine estes servidores que todos os dias dão cabo de nossos detritos. 

Alguém pode dizer: mas eles são concursados para isso. Não fazem mais do que a obrigação de fazer e fazer bem feito. Concordo. Mesmo porque também sou servidor e tenho mais é que fazer bem feito minha função, pois sou pago com dinheiro público para bem servir. Só que algo que me incomoda: alguns agentes políticos do legislativo, praticamente semanalmente enviam Moção de Aplauso ao Chefe do Executivo e a outros servidores em cargo comissionado por bem desempenharem sua função;  e a  Deputados por destinarem verbas à nossa cidade. Mas eles também não estão fazendo nada mais, nada menos que sua obrigação?

Manifesto aqui meu agradecimento a todos os servidores públicos municipais que desempenham com desenvoltura suas funções para deixarem as ruas de nossa bicentenária cidade sempre limpa. Não apenas ao pessoal do caminhão de lixo, mas também a todos os varredores de rua. Meu muito obrigado e parabéns pelo serviço prestado à nossa comunidade.